XIV Encontro da SBPMat recebeu 2.400 resumos.


Com cerca de 2.400 resumos submetidos, a décima quarta edição do encontro anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat) bate um novo recorde na história desses eventos.

O prazo de submissão de resumos encerrou no dia 15 de junho. Até 10 de julho, os autores dos trabalhos submetidos receberão a notificação de aceitação, rejeição ou transferência para outro simpósio. Resumos em língua portuguesa foram recusados.

Entre os trabalhos aceitos, aqueles submetidos por autores que são estudantes de graduação ou pós-graduação poderão concorrer ao Prêmio Bernhard Gross, que distinguirá os melhores trabalhos de cada simpósio (no máximo, um oral e um pôster). Para participar do prêmio, os autores, após serem notificados da aprovação, deverão submeter um resumo estendido, conforme as instruções e o modelo que constam no site do evento.

Neste ano o encontro conta com vinte e sete simpósios temáticos e dois workshops, um sobre nanofabricação e o outro sobre eletrônica orgânica na indústria, além de um simpósio organizado inteiramente por alunos que pertencem aos University Chapters (UCs) da SBPMat.

Criado em março de 2014, o programa UC tem por objetivo principal congregar equipes de estudantes de pós-graduação e de graduação, em áreas científicas e tecnológicas de materiais, de forma organizada e oficialmente vinculadas à SBPMat. As atividades a serem desenvolvidas nesse programa visam complementar a formação acadêmica dos estudantes, auxiliando-os a organizar atividades científicas e tecnológicas em áreas de materiais, a participarem de eventos científicos nacionais e internacionais, e a estabelecerem intercâmbios com outras unidades UCs no país e no exterior.

O XIV Encontro da SBPMat será realizado no Rio de Janeiro, de 27 de setembro a 1º de outubro de 2015.

Sobre o evento

O encontro anual da SBPMat é um tradicional fórum internacional dedicado aos recentes avanços e perspectivas em ciência e tecnologia de Materiais. Nas últimas edições, o evento tem reunido mais de 1.500 participantes das cinco regiões do Brasil e de dezenas de outros países para apresentação e discussão de trabalhos de pesquisa científica e tecnológica na área de Materiais. O evento conta também com palestras plenárias de pesquisadores mundialmente destacados e com expositores do interesse da comunidade de Materiais.

A 14ª edição do Encontro da SBPMat acontecerá no Rio de Janeiro.

Boletim da SBPMat – edição 33.


 

Saudações %primeiro_nome%!

Edição nº 33 – 5 de junho de 2015 

Notícias da SBPMat: XIV Encontro - Rio de Janeiro, 27/09 a 01/10 de 2015 

Autores: O prazo para submissão de resumos para os 27 simpósios e 2 workshops do XIV Encontro da SBPMat foi prorrogado até 15 de junho. Veja as instruções para autores e faça sua submissão.

Inscrições: o período de inscrições com desconto está aberto até 31 de julho. O valor das inscrições inclui participação no evento, program book, recepção de boas-vindas e coffee breaks diários. Saiba mais.

Auxílios Fapesp: doutores do Estado de São Paulo poderão se inscrever, de 16 a 24 de junho, para solicitar recursos à Fapesp para participação no XIV Encontro da SBPMat. Saiba mais.

Proceedings do XIV Encontro da SBPMat: Trabalhos apresentados no encontro poderão ser submetidos à avaliação por pares para publicação em periódicos científicos do IOP. Saiba mais.

Prêmio Bernhard Gross: Os autores que são estudantes podem submeter resumos estendidos de seus trabalhos para participar do prêmio ao melhor trabalho oral e melhor pôster de cada simpósio. Mais informações nas instruções para autores.

Programa: 7 palestras plenárias com cientistas de renome internacional já estão confirmadas. Veja quem são os palestrantes e os resumos de suas palestras.

Hospedagem: Está disponível uma lista de hotéis com condições especiais para participantes do XIV Encontro da SBPMat. Aqui.

Patrocinadores e expositores: 25 empresas já reservaram seu lugar no XIV Encontro da SBPMat. Contato para expositores e demais patrocinadores: rose@metallum.com.br.

Veja o site do evento.

XIV Encontro: entrevistas com palestrantes de plenárias

A professora Ulrike Diebold, da UT Wien (Áustria), falará em nosso encontro sobre superfícies de óxidos metálicos – materiais usados em monitoramento de gases, catálise, anti-corrosão, conversão de energia, pigmentação e muitas outras aplicações. Usando seus microscópios de tunelamento (STM), Diebold consegue investigar, em escala atômica, os defeitos da rede desses materiais. Em entrevista a nosso boletim, ela falou sobre suas principais contribuições no campo dos óxidos metálicos e sobre o poder da técnica de STM para o estudo de superfícies. E deixou um convite tentador para assistir à palestra dela. Veja a entrevista.

Também entrevistamos o professor Edgar Zanotto, da UFSCar (Brasil), que dará uma plenária sobre vitrocerâmicas – materiais formados a partir da cristalização interna de alguns vidros. Desde os inícios de sua carreira científica, Zanotto vem estudando os mecanismos de formação das vitrocerâmicas e desenvolvendo aplicações para elas. Na plenária, o cientista promete falar sobre passado e futuro, inclusive sobre o desenvolvimento de novas vitrocerâmicas e seu uso em novos produtos. Veja a entrevista.

Artigo em destaque 

Em um estudo sobre propriedades magnéticas de filmes finos nanocristalinos, realizado no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), no Rio de Janeiro, uma equipe de cientistas utilizou intensamente a técnica de ressonância eletromagnética de banda larga e a combinou com outras técnicas de análise. As conclusões do trabalho podem contribuir à fabricação de materiais magnéticos para dispositivos miniaturizados. O trabalho foi recentemente reportado no periódico Journal of Applied Physics.  Veja nossa matéria de divulgação.

Gente da nossa comunidade

Entrevistamos Israel Baumvol, professor emérito da UFRGS e criador do Programa de Pós-Graduação em Materiais da UCS. Baumvol encantou-se com as possíveis aplicações da Física na época da graduação. Ao longo de sua carreira, fez significativas contribuições à área de Materiais em diversos temas. Na entrevista, ao falar sobre sua trajetória científica, o pesquisador relata, entre outras histórias, como começou a trabalhar em materiais para a microeletrônica a partir de um convite da IBM para aplicar seus conhecimentos sobre implantação iônica. Aos leitores mais jovens, Baumvol aconselha que, em suas carreiras científicas, sigam o coração, busquem mudanças e novidades e se livrem dos preconceitos sobre os tipos de pesquisa. “A única distinção é entre pesquisa de boa ou má qualidade”. Veja nossa entrevista com o cientista.

Dicas de leitura
Divulgação científica internacional.

  • Alternativas ao silício para dispositivos miniaturizados: nanofitas de grafeno sintetizadas por nova rota (divulgação de paper da Nature Nanotechnology). Aqui.
  • No MIT, vírus são usados para criar materiais com relevantes aplicações (vídeo de palestra TED e outros conteúdos multimídia). Aqui.
  • Equipe de cientistas que inclui um brasileiro “treina” compósito de nanotubos para realizar operações computacionais (divulgação de paper do Journal of Applied Physics). Aqui.
Próximos eventos da área
  • VII Método Rietveld. Fortaleza, CE (Brasil). 6 a 10 de julho de 2015. Site.
  • Escola de Técnicas de Espalhamento de Raio-X (SAXS) e Neutrons (SANS) para Investigação Estrutural de Materiais e Sistemas Biológicos. Rio de Janeiro, RJ (Brasil). 6 a 10 de julho de 2015. Site.
  • São Paulo School of Advanced Sciences (ESPCA) on Recent Developments in Synchrotron Radiation. Campinas, SP (Brasil). 13 a 24 de julho de 2015. Site.
  • XXVI Escola de Inverno de Física da UFMG. Belo Horizonte, MG (Brasil). 13 a 17 de julho de 2015. Site.
  • Advanced School on Glasses and Glass-Ceramics (G&GC São Carlos). São Carlos, SP (Brasil). 1 a 9 de agosto de 2015. Site.
  • Primeira Conferência de Materiais Celulares (MATCEL 2015). Aveiro (Portugal). 7 e 8 de setembro de 2015. Site.
  • XIV Encontro da SBPMat. Rio de Janeiro, RJ (Brasil). 27 de setembro a 1º de outubro de 2015. Site.
  • 8th International Summit on Organic and Hybrid Solar Cells Stability (ISOS-8). Rio de Janeiro, RJ (Brasil). 29 de setembro a 1º de outubro. Site.
  • 13th International Conference on Plasma Based Ion Implantation & Deposition (PBII&D 2015). Buenos Aires (Argentina). 5 a 9 de outubro de 2015. Site.
  • 4th EPNOE International Polysaccharide Conference. Varsóvia (Polônia). 18 a 22 de outubro de 2015. Site.
  • 10th Ibero-American Workshop on Complex Fluids 2015. Florianópolis, SC (Brasil). 25 a 29 de outubro de 2015. Site.
  • 14th International Union of Materials Research Societies – International Conference on Advanced Materials (IUMRS-ICAM 2015). Jeju (Coreia). 25 a 29 de outubro de 2015. Site.
      
Você pode divulgar novidades, oportunidades, eventos ou dicas de leitura da área de Materiais, e sugerir papers, pessoas e temas para as seções do boletim. Escreva para comunicacao@sbpmat.org.br.
Descadastre-se caso não queira receber mais e-mails.

Caso não esteja visualizando corretamente esta mensagem, acesse este link
Encaminhe esta mensagem ao acessar este link .

Entrevistas com palestrantes de plenárias do XIV Encontro: Ulrike Diebold.


Os óxidos metálicos apresentam um amplo leque de propriedades. Em consequência, tornam-se úteis em aplicações muito diversas, como monitoramento de gases, catálise, proteção contra a corrosão, pigmentação, conversão de energia e muitas outras. Detalhe importante: para compreender e utilizar esses materiais, o estudo de suas superficies é fundamental.

Prof. Ulrike Diebold.

As superfícies de óxidos metálicos serão tema de uma palestra plenária no XIV Encontro da SBPMat, a cargo de Ulrike Diebold, cientista que está entre os principais especialistas do mundo nesse assunto. Diebold se dedica à ciência de superfícies desde a época de seu doutorado, defendido em 1990 pela Universidade de Tecnologia de Viena (UT Wien), na Austria. Alguns anos depois, fazendo pós-doutorado num grupo de superfícies da Universidade Rutgers, em New Jersey (EUA), ela começou suas pesquisas sobre dióxido de titânio.

Em 1993 tornou-se professora da Universidade Tulane, na cidade de New Orleans (EUA), e fundou e coordenou um grupo de ciência de superficies. Ao ter seus laboratórios atingidos pelo furacão Katrina em 2005, Diebold foi acolhida por diversas instituições e se instalou em Rutgers junto a alguns membros de seu grupo de Tulane. Finalmente, voltou ao local onde começara sua carreira científica, a UT Wien, desta vez como professora e coordenadora do grupo de Física de superfícies. Com seus grupos de pesquisa, Diebold tem continuado avançando nos estudos de ciência básica e aplicada sobre óxidos metálicos, apoiando-se, entre outras técnicas, na microscopia de varredura por tunelamento (STM), por meio da qual a cientista consegue investigar esses materiais na escala atómica.

Ulrike Diebold é autora de 180 artigos publicados em periódicos com revisão por pares. Seus artigos contam com mais de 12 mil citações. Seu índice H, conforme a Web of Science, é de 52. A cientista já proferiu cerca de 250 palestras convidadas. Ao longo de sua carreira, recebeu numerosos prêmios e distinções de diversas entidades, como Alexander von Humboldt Foundation, American Chemical Society, Austrian Academy of Sciences, Austrian Ministry for Science, Catalysis Society of South Africa, Czech Republic Academy of Sciences, European Academy of Sciences, German National Academy of Sciences Leopoldina, National Science Foundation, entre outras. É editora associada da divisão de Física de materiais do periódico Physical Review Letters.

Segue uma minientrevista com esta plenarista do XIV Encontro da SBPMat.

Imagem de STM de átomos individuais de Au em superfície de Fe3O4. Esse sistema é usado como modelo para estudar reações simples de catálise em escala atómica. O experimento relacionado é descrito em: Novotný, Z. et al. Ordered Array of Single Adatoms with Remarkable Thermal Stability: Au/Fe_{3}O_{4}(001). Phys Rev Lett 108, (2012).

Boletim da SBPMat: – Quais são, na sua opinião, suas contribuições mais significativas ou de maior impacto social na ciência de superfícies de óxidos metálicos? Explique-as muito brevemente e compartilhe as referências dos artigos ou livros gerados, ou comente se esses estudos geraram patentes ou produtos. 

Ulrike Diebold: – O campo começou com o livro “The Surface Science of Metal Oxides” de Vic Henrich e P.A. Cox, que foi publicado em 1993 pela Cambridge University Press. O livro motivou muitas pessoas a desenvolverem um interesse em superfícies de óxido metálico e as pesquisas progrediram demasiadamente desde então.  Algumas ainda são válidas até hoje, por exemplo, a importância dos defeitos para entender as propriedades das superfícies de óxidos, e como é essencial dominar a preparação da superfície. Pesquisas significativas podem apenas ser realizadas em sistemas “bem caracterizados” com uma estrutura de superfície conhecida e controlada.  Há aproximadamente dez anos, em 2003, escrevi uma revisão que focou apenas no dióxido de titânio, que é um material muito utilizado tanto em aplicações quanto em pesquisa fundamental (Surface Science Reports 48 (2003) 53).  Esta revisão recebeu bastante atenção. Uma década depois, uma edição completa da Chemical Reviews (vol. 113, 2013) focou em superfícies de óxidos metálicos, e resumiu bem o estado da arte da pesquisa de superfícies de óxidos metálicos.

Boletim da SBPMat: – Comente as possibilidades que a microscopia por tunelamento oferece ao estudo das superficies, em particular, de óxidos metálicos.

Ulrike Diebold: – O microscópio de varredura por tunelamento (scanning tunneling microscopy – STM), que foi inventado por Heinrich Rohrer e Gerd Binnig no início da década de 1980, revolucionou a nossa compreensão do mundo nano. Pode-se usar esta técnica para geração de imagens da estrutura geométrica e eletrônica de uma superfície a escala local, átomo por átomo. Isto é particularmente importante para óxidos, onde muitas vezes as irregularidades na rede são as entidades mais interessantes, por exemplo, defeitos tais como átomos ausentes, intersticiais, ou impurezas. O STM é a ferramenta ideal para investigar esses defeitos no nível atômico e literalmente “assistir” às reações químicas mediadas por defeitos.

Imagem de STM de defeitos em superfície de TiO2. O experimento relacionado está descrito em: Dulub, O. et al. Electron-induced oxygen desorption from the TiO2(011)-2×1 surface leads to self-organized vacancies. Science 317, 1052–1056 (2007).

Boletim da SBPMat: – Se desejar, deixe uma mensagem ou convite para sua palestra para os leitores que participarão do XIV Encontro da SBPMat.

Ulrike Diebold: – Eu acho que é simplesmente emocionante observar fenômenos tais como defeitos desaparecendo de uma superfície e depois voltando, ou moléculas individuais se dissociando ou difundindo através de uma superfície.  Se você quiser ver belas imagens e filmes de processos potencialmente relevantes para sua própria pesquisa, por favor, venha para minha palestra.

Saiba mais:

Entrevistas com palestrantes de plenárias do XIV Encontro: Edgar Zanotto.


Prof. Edgar Dutra Zanotto.

As vitrocerâmicas, descobertas na década de 1950, são materiais produzidos pela cristalização interna catalisada de certos vidros contendo elementos nucleantes, e submetidos a temperaturas de 500 a 1.100 °C. Elas podem apresentar diversas propriedades, que as tornam materiais interessantes para diversas aplicações nos campos da medicina, odontologia e arquitetura, entre outros.

No XIV Encontro da SBPMat, as vitrocerâmicas serão abordadas em uma palestra plenária intitulada “60 years of glass-ceramics R&D: a glorious past and bright future”. O palestrante será Edgar Dutra Zanotto, professor titular da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e diretor do Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros (CeRTEV) um dos 17 CEPIDS da Fapesp.

Zanotto se encantou pelas vitrocerâmicas em 1977, quando acabava de se formar em Engenharia de Materiais pela UFSCar, ao ler o livro Glass Ceramics, de Peter McMillan, da Warwick University (Reino Unido). A partir desse momento, esses materiais e o processo de cristalização necessário para produzi-los passaram a ser foco de seus estudos, tanto em seu mestrado em Física (USP São Carlos), quanto em seu doutorado em Tecnologia de Vidros (Universidade de Sheffield, Reino Unido) e, até o presente, nos projetos de pesquisa e desenvolvimento que realiza junto a seu grupo no Laboratório de Materiais Vítreos (LaMaV), na UFSCar.

“Orquídea”. Imagem de microscopia óptica de cristalização em vidro eutético. Crédito: Vladimir Fokin e Edgar Zanotto (LaMaV-UFSCar).

Edgar Zanotto é autor de uma importante produção em ciência e tecnologia de vidros. São mais de 200 artigos científicos, com aproximadamente 3.500 citações na Web of Science e 5.000 no Google Scholar; 20 capítulos de livros; 17 pedidos de patente; 2 livros e 4 prefácios de livros internacionais. Seu índice H é 34 segundo a Web of Science e 39 segundo o Google Scholar. Zanotto já recebeu 28 prêmios ou distinções de diversas entidades, como International Commission on Glass, American Ceramic Society, Elsevier Publishing Company, The World Academy of Sciences e CNPq. É Comendador da Ordem Nacional do Mérito Científico. Foi chairman de seis dos mais importantes congressos internacionais da área de vidros. Proferiu mais de 110 palestras convidadas e uma dúzia de palestras plenárias em congressos. É editor do Journal of Non-Crystalline Solids.

Segue uma mini entrevista com este plenarista do XIV Encontro da SBPMat.

Boletim da SBPMat: – Quais são suas contribuições mais significativas ou de maior impacto social no tema das vitrocerâmicas? Explique-as muito brevemente e comente o que foi gerado a partir delas (papers, livros, patentes, produtos etc.).

Edgar Zanotto: – Acredito que as contribuições mais significativas do meu grupo de pesquisa refiram-se a testes e melhorias de modelos de nucleação, crescimento de cristais e cristalização total de vidros. Alem disso desenvolvemos e testamos, com sucesso, modelos que descrevem a sinterização com cristalização concorrente de vidros, e várias técnicas de medidas e teorias de processos dinâmicos (fluxo viscoso, relaxação estrutural, difusão e cristalização) em vidros. Os números de papers, patentes e livros gerados a partir dessas pesquisas estão descritos acima.

Imagem de microscopia óptica de autotrincamento de cristais em um vidro isoquímico. Crédito: Valmor Mastelaro e Edgar Zanotto (LaMaV – UFSCar).

Boletim da SBPMat: – Cite alguns produtos feitos com vitrocerâmicas que estejam no mercado e algumas possíveis aplicações que considere promissoras.

Edgar Zanotto: – Ao longo dos últimos 39 anos desenvolvemos vitrocerâmicos de escórias de siderurgia e aciaria, e de vidros reciclados – para aplicação em construção civil e arquitetura – e também materiais mais sofisticados para uso odontológico e médico. Estes serão apresentados na palestra.

Boletim da SBPMat: – Se desejar, deixe uma mensagem ou convite para sua palestra para os leitores que participarão do XIV Encontro da SBPMat.

Edgar Zanotto: – Na palestra pretendo revisar os principais modelos de nucleação e crescimento de cristais em vidros e discutir a aplicabilidade deles ao desenvolvimento de novos vitrocerâmicos. Tudo será ilustrado com figuras coloridas de inúmeros novos produtos. Espero que ela seja interessante e motivadora a estudantes e pesquisadores (teóricos e experimentais) das áreas de Engenharia e Ciência dos Materiais, Física e Química da Matéria Condensada.

Saiba mais:


Boletim SBPMat – edição 30.


 

Saudações !

Edição nº 30 – 6 de março de 2015 

Notícias da SBPMat: XIV Encontro - Rio de Janeiro, 27/09 a 01/10 de 2015 

Simpósios aprovados e submissão de resumos: 27 simpósios e 2 workshops (número recorde na história dos encontros da SBPMat) compõem esta edição do nosso evento anual.

Até 30 de maio, você pode submeter resumos para apresentar seu trabalho nos simpósios ou workshops do evento. 

Saiba mais.

Patrocinadores e expositores: 16 empresas já reservaram seu lugar no XIV Encontro da SBPMat. Contato para expositores e demais patrocinadores: rose@metallum.com.br.

Veja o site do evento.

Notícias da SBPMat: programa University Chapters

Mais dois pontos no mapa dos university chapters da SBPMat: na UNESP de Presidente Prudente (o University Chapter Nanomaterials) e na UNESP de Ilha Solteira. Já vão 8 unidades criadas nas regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Norte do Brasil desde o lançamento do programa, no início do ano passado. Saiba mais sobre os novos university chapters.

Artigo em destaque 

Uma equipe da UFPE, em colaboração com um grupo da UFS, desenvolveu um laser randômico emissor de luz ultravioleta usando pó de óxido de zinco, cujas partículas funcionaram como centros espalhadores de luz. Os cientistas provaram que a emissão foi induzida pelo mecanismo de “absorção de 3 fótons”.  O trabalho, cujos resultados foram recentemente publicados na Nanoscale, abre possibilidades para aplicações em diversas áreas, principalmente medicina.  Veja nossa matéria de divulgação.

Gente da nossa comunidade

Em 30 anos de carreira científica, Helio Chacham fez relevantes contribuições à área de Materiais. Inicialmente, dedicou-se à investigação teórica de materiais sob ultra-alta pressão. Desde meados de 1990, colaborando frequentemente com grupos experimentais, ele vem estudando nanomateriais, em particular materiais bidimensionais. Em entrevista ao Boletim da SBPMat, o professor Chacham falou sobre suas principais contribuições nesses temas, além de contar um pouco sobre sua infância e adolescência em Belo Horizonte, entre outros assuntos. Veja nossa entrevista com o cientista.

História da pesquisa em Materiais no Brasil 

Apresentamos a segunda parte da reportagem sobre a história do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS). Entre 1986 e 1997, em Campinas (SP), uma equipe de cientistas e outros colaboradores projetou, construiu e testou a fonte de luz síncrotron e os instrumentos das estações experimentais do laboratório. Para isso, o time trabalhou, sucessivamente, em uma sala da Unicamp, uma casa e um galpão industrial, antes de se instalar no campus definitivo do LNLS. Reportamos uma breve cronologia dessa epopeia e compartilhamos depoimentos de alguns de seus líderes. Veja.

Dicas de leitura
Divulgação científica internacional de papers destacados.

  • Nova estratégia de engenharia de materiais para obter baterias de íons lítio mais leves, seguras e duráveis (divulgação de paper da Advanced Functional Materials). Aqui.
  • Filmes finos de óxidos complexos integrados a cristais ferroelétricos: potencial para armazenar informação (divulgação de paper da Advanced Functional Materials). Aqui.
  • Cientistas conseguem dispor moléculas orgânicas dentro de nanotubos e, a partir disso, demonstram aplicação para Internet mais rápida (divulgação de paper da Nature Nanotechnology). Aqui.
  • Novo método permite crescer flocos de dissulfeto de molibdênio, com precisão, em locais determinados (divulgação de paper da Nature Communications). Aqui.

Notícias de INCTs e CEPIDs.

  • No marco de uma colaboração entre o CeRTEV (CEPID da FAPESP em materiais vítreos) e o International Materials Institute for New Functionality in Glass, o professor Edgar Zanotto ministrará uma aula a distância sobre vitrocerâmicos para um grupo internacional. Aqui.
Oportunidades
  • Pós-doutorado PNPD institucional em Astrofísica na UFSC. Aqui.
Próximos eventos da área
  • 4th School of SAXS Data Analysis. Campinas, SP (Brasil). 11 a 15 de maio de 2015. Site.
  • São Paulo School of Advanced Sciences (ESPCA) on Recent Developments in Synchrotron Radiation. Campinas, SP (Brasil). 13 a 24 de julho de 2015. Site.
  • Advanced School on Glasses and Glass-Ceramics (G&GC São Carlos). São Carlos, SP (Brasil). 1 a 9 de agosto de 2015. Site.
  • Primeira Conferência de Materiais Celulares (MATCEL 2015). Aveiro (Portugal). 7 e 8 de setembro de 2015. Site.
  • XIV Encontro da SBPMat. Rio de Janeiro. 27 de setembro a 1º de outubro de 2015. Site.
  • 13th International Conference on Plasma Based Ion Implantation & Deposition (PBII&D 2015). Buenos Aires (Argentina). 5 a 9 de outubro de 2015. Site.
  • 10th Ibero-American Workshop on Complex Fluids 2015. Florianópolis, SC (Brasil). 25 a 29 de outubro de 2015. Site.
  
Você pode divulgar novidades, oportunidades, eventos ou dicas de leitura da área de Materiais, e sugerir papers, pessoas e temas para as seções do boletim. Escreva para comunicacao@sbpmat.org.br.
Descadastre-se caso não queira receber mais e-mails.

 

Aberta a submissão de resumos para apresentar trabalhos nos 27 simpósios e 2 workshops do XIV Encontro da SBPMat.


Está aberta, até 30 de maio, a submissão de resumos do XIV Encontro da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat). O evento será realizado de 27 de setembro a 1º de outubro no Rio de Janeiro, no Centro de Convenções SulAmérica.

São aceitos para avaliação trabalhos de pesquisadores e estudantes do Brasil e do exterior nas áreas dos simpósios do evento. Nesta edição do encontro anual da SBPMat, o número de simpósios superou todas as anteriores: são 27 simpósios e 2 workshops.

Os simpósios foram selecionados pelo comitê organizador do evento a partir das propostas recebidas numa chamada lançada em novembro do ano passado e direcionada à comunidade científica. De acordo com os coordenadores do evento, Marco Cremona e Fernando Lázaro Freire Junior, para esta edição houve mais de 50 propostas de simpósios e foi impossível acomodar todos por conta das limitações de tempo e espaço físico do Centro de Convenções SulAmérica. Para escolher os simpósios, levou-se em conta que contemplassem temas de fronteira em Ciência dos Materiais e que tivessem uma comunidade atuante no país.

Além de um variado leque de temas (nanomateriais, eletrônica e fotônica, biomateriais, modelagem, materiais para energia, entre outros), a lista de simpósios inclui um simpósio organizado pelos University Chapters da SBPMat, coordenado por estudantes, e dois workshops organizados em colaboração com indústrias. A relação de coordenadores de simpósios também é variada, incluindo pesquisadores de universidades e outras instituições de pesquisa das regiões Sul, Sudeste e Nordeste do Brasil, e do exterior (Alemanha, Argentina, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Inglaterra, Irlanda, Itália, Japão, Portugal e Suíça).

Sobre os Encontros da SBPMat

O encontro anual da SBPMat é um tradicional fórum internacional dedicado aos recentes avanços e perspectivas em ciência e tecnologia de Materiais. Além da apresentação de trabalhos que ocorre nos simpósios, o programa científico do evento conta com palestras plenárias de pesquisadores mundialmente destacados. Na edição de 2014, realizada na cidade de João Pessoa (PB), cerca de 2.000 trabalhos foram apresentados em 19 simpósios.

Relação de simpósios e workshops: http://sbpmat.org.br/14encontro/symposia/?lang=en

Instruções para elaboração e envio dos resumos: http://www.sbpmat.org.br/14encontro/authors/?lang=en

XIV Encontro SBPMat – Chamada para propostas de simpósios.


Iniciando o processo de organização do XIV Encontro da SBPMat, estamos solicitando que os interessados apresentem as suas propostas de Simpósios para este encontro, que será realizado no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro/RJ, nos dias 27 de setembro a 01 de outubro de 2015.

Esta indicação deverá ser feita, até o dia 05 de dezembro de 2014, através do preenchimento do formulário que encontra-se disponível no site do encontro www.sbpmat.org.br/14encontro.

As propostas apresentadas serão avaliadas pela Comissão de Eventos da SBPMat, juntamente com os organizadores do XIV Encontro, e submetidas à diretoria da Sociedade. A previsão de definição final da lista de simpósios do nosso XIV Encontro é dezembro de 2014.

Cada simpósio receberá a isenção da inscrição de dois (2) convidados além da isenção dos organizadores. A cada 50 trabalhos submetidos, o simpósio ganhará uma nova isenção.

Note que é recomendada a alternança de pelo menos dois dos organizadores dos últimos Simpósios. Além disso, um grupo de no máximo quatro (4) organizadores é considerado o tamanho ideal para os simpósios. São incentivados temas interdisciplinares e o envolvimento industrial receberá prioridade.

IMPORTANTE: Os pedidos de auxílios para os diversos órgãos de fomento (CNPq, CAPES, FAPESP, etc…) são centralizados pela SBPMat que também assume todas as despesas da organização do encontro. Não é possível fazer pedidos individuais para cada simpósio.

Sua participação é extremamente valiosa para ajudar assegurar a amplitude e atualidade do encontro da SBPMat.

Obrigado.
Organização do XIV encontro da SBPMat

———————————

Links relacionados

– XIII Encontro da SBPMat: cerca de 2.000 trabalhos apresentados, e interações em diversos idiomas e sotaques.

– Simpósios do XIII Encontro: minivídeos com depoimentos dos coordenadores.

Boletim SBPMat – edição 26 – outubro 2014 – cobertura multimídia XIII Encontro da SBPMat.


 

Edição nº 26 – Outubro de 2014

Especial XIII Encontro da SBPMat – João Pessoa, 28 de setembro a 2 de outubro

Saudações, .

Como foi o XIII Encontro da SBPMat: textos, fotos, vídeos e arquivos das apresentações.

Cerca de 2.000 trabalhos orais e pôsteres apresentados. 105 palestras convidadas. Vindos de 20 países do mundo e das 5 regiões do Brasil, 1.650 participantes – 15% a mais do que na edição passada. Fomos além dos números e relatamos, com texto e fotos, alguns dos momentos mais destacados da intensa programação do evento. Aqui.

Nas 7 plenárias do XIII Encontro da SBPMat, cientistas destacados internacionalmente apresentaram ciência de alto nível e falaram sobre seu impacto na sociedade. LEDs, eletrônica orgânica, quasicristais, materiais para nanomedicina e simulação computacional foram os principais temas abordados. Apresentamos para nossos leitores um breve relato de cada palestra, fotos dos nossos plenaristas e arquivos das apresentações, gentilmente cedidos pelos palestrantes. Aqui.

Os 19 simpósios deste ano abordaram um universo de assuntos: novos materiais, materiais tradicionais, técnicas de processamento e análise, aplicações em diversos segmentos, transferência de tecnologia… Entre seus coordenadores, o evento registrou pesquisadores de universidades, institutos de pesquisa e empresas do Brasil e outros 7 países. Compartilhamos aqui vídeos com breves depoimentos de alguns desses coordenadores sobre seus simpósios. Assista aqui.

No XIII Encontro da SBPMat foi realizado o lançamento da publicação “Science impact. A special report on materials science in Brazil“, realizada pelo IOP junto à SBPMat. Distribuído em primeira mão para todos os participantes, o documento, em inglês, apresenta ao mundo o panorama atual da pesquisa em Materiais no Brasil. Saiba mais.

Também durante o encontro, 30 jovens participaram de um momento histórico: a primeira reunião do Programa University Chapters da SBPMat. Os 4 chapters criados se apresentaram, e autoridades da SBPMat falaram com os estudantes. Saiba mais.

Prêmio Bernhard Gross 2014: 20 jovens premiados por apresentarem os melhores trabalhos dos simpósios do XIII Encontro da SBPMat. 

Dentre os 20 vencedores, foram escolhidos o melhor oral e o melhor pôster do XIII Encontro da SBPMat. A premiação ocorreu no último dia do encontro. Publicamos a lista dos trabalhos e autores premiados e as fotos da entrega dos certificados. Aqui.

O Prêmio Bernhard Gross ao melhor trabalho apresentado em sessão oral foi outorgado a Juliana Eccher, por uma pesquisa pioneira no Brasil sobre o uso de cristais líquidos como semicondutores orgânicos, desenvolvida no seu doutorado pela UFSC junto a uma série de colaboradores internacionais. Saiba mais sobre o trabalho e seus autores.

André Luiz Maia de Azevedo foi destacado com o Prêmio Bernhard Gross ao melhor pôster do XIII Encontro da SBPMat por um trabalho que desenvolveu em seu mestrado na UFF. Formado em Farmácia, e profissional da área, André conseguiu o que buscava: diminuir custos e superar limitações das técnicas existentes para análise de fármacos ao desenvolver um compósito de grafite e epóxi utilizado como eletrodo dentro de uma célula eletroquímica. Saiba mais sobre o trabalho e seus autores.

XIV Encontro da SBPMat: reservemos nossas agendas!

Com coordenação do professor Marco Cremona (PUC-Rio), a décimo quarta edição do encontro anual da SBPMat será realizada no Rio de Janeiro, de 27 de setembro a 1º de outubro de 2015, no Centro de Convenções SulAmérica  – um espaço moderno, de fácil e rápido acesso a partir de qualquer bairro da “cidade maravilhosa”.

Repercurssão do XIII Encontro da SBPMat na web.
No site do Instituto de Física de São Carlos: 13º Encontro da SBPMat ultrapassa fronteiras.
No site da SINC do Brasil: 13º ENCONTRO DA SBPMat ULTRAPASSA FRONTEIRAS.
No blog do INCT de Engenharia de Superfícies: Como foi nosso simpósio de Engenharia de Superfícies em João Pessoa.
No site da International Union of Materials Research Societies: algumas edições dos boletins eletrônicos da SBPMat .
Algumas dicas de leitura.
Prêmio Nobel de Física 2014: uma fonte de luz energeticamente eficiente e ambientalmente correta, o LEDAqui.
 Prêmio Capes de melhor tese em Materiais: síntese rápida de compostos de titanato de estrôncio para sensor de gás. Aqui.
Arquivos de apresentações e fotos do “Second IUMRS International Conference for Young Researchers” (ICYRAM), Haikou, Hainan, China, 24 a 26 de outubro. Aqui.
Oportunidades.
 Processo seletivo para mestrado e doutorado em Materiais do PGMAT- UCS, em Caxias do Sul (RS). Aqui.
 UFABC abriu inscrições para Pós-Graduação em Nanociências e Materiais Avançados. Aqui.
 Processo Seletivo para os cursos do Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Nanotecnologia da COPPE/UFRJ. Aqui.
Nosso perfil no TwitterNossa página no Facebook
Para divulgar novidades, oportunidades, eventos ou dicas de leitura da área de Materiais, escreva para comunicacao@sbpmat.org.br.
Descadastre-se caso não queira receber mais e-mails.