Manifesto da SBPMat sobre a retirada de recursos da CAPES.


A Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat) manifesta seu repúdio ao Decreto nº 11.269 do governo federal que zerou desembolsos financeiros no mês de dezembro, impedindo o pagamento de cerca de 200 mil bolsas da CAPES e deixando bolsistas em situação de vulnerabilidade financeira.

A pesquisa em Materiais no Brasil é realizada essencialmente por estudantes de pós-graduação e pós-doutorandos, majoritariamente atuando nas universidades públicas brasileiras. Todos são profissionais graduados nas diversas áreas do conhecimento ligadas à pesquisa em Materiais. A bolsa de estudos é a remuneração obtida por atividades exercidas em regime de dedicação exclusiva e que exige jornadas semanais de trabalho em geral muito superiores às do mercado de trabalho.

 Nossos estudantes e pós-doutorandos já sofrem com a ausência de benefícios trabalhistas e com os valores baixíssimos das bolsas  – sem aumento há 9 anos. Nesse cenário, é ainda mais cruel a decisão tomada pelo governo federal,  impedindo  o pagamento de  nossos bolsistas, que já atuam em condições difíceis pela falta de verbas para a pesquisa no Brasil. Além deles, vários outros programas de bolsas CAPES foram afetados, prejudicando atividades ligadas às mais diferentes áreas, do ensino à saúde.

A SBPMat se solidariza com os bolsistas neste momento difícil, e exige a recomposição imediata do orçamento da CAPES para que a agência possa cumprir seus compromissos legais.


Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *